Friday, May 26, 2006

Aqui está um dos textos que mais gosto. Ainda vindo de um teólogo que tenho uma grande estima. Escreveu isso na prisão, feita pela Gestapo de Hitler, dias antes da sua execução final.
Vibrem.
Paz & Coragem!
B!



Quem sou eu?
(Dietrich Bonhoeffer)

Quem sou eu?

Muitas vezes me dizem

Que eu sairia do confinamento da minha cela

Calma, alegre e firmemente,

como um cavaleiro vindo de sua terra natal.

Quem sou eu?

Muitas vezes me dizem

Que eu suportaria os dias de má sorte

Uniforme, sorridente, orgulhosamente, como alguém habituado a vencer.

Sou realmente isso tudo o que os outros dizem?

Ou sou somente o que sei de mim?

Inquieto, anelante e enfermo, como um pássaro na gaiola

Lutando por conseguir respirar como se mãos

Estivessem comprimindo a minha garganta,

Anelando por cores, por flores, pelas vozes das aves,sedento de palavras bondosas, de urbanidade,

Tremendo de ira ante os despotismos e a humilhação mesquinha,

Fremente na expectativa de grandes eventos,

Tremendo impotentemente por amigos a uma distancia infinita,

Fatigado e vazio na criação, no pensamento, na realização, desfalecido e pronto dizer adeus a tudo?

Quem sou eu?

Este ou aquele outro?

Sou uma pessoa hoje e outra amanhã?

Sou ambas ao mesmo tempo?

Um hipócrita perante os outros e diante de mim mesmo um fraco desprezível e desolado?Ou ainda há dentro em mim algo como um exército batido, fugindo desordenadamente da vitória ja obtida?

(Dietrich Bonhoeffer)

.

1 Comments:

Blogger Priscila Sanches said...

Nossa... que coisa lais linda... sábias letras..

7:04 AM  

Post a Comment

<< Home